PF apura presença de logo da OAS em mala de dinheiro atribuído a Geddel - Alagoinhas FM

quinta-feira, 28 de setembro de 2017

PF apura presença de logo da OAS em mala de dinheiro atribuído a Geddel

PF apura presença de logo da OAS em mala de dinheiro atribuído a Geddel
Foto: Divulgação / PF


A Polícia Federal investiga se há relação entre os R$ 51 milhões achados em um apartamento na Graça, em Salvador, atribuídos ao ex-ministro Geddel Vieira Lima (PMDB), e a empreiteira OAS. De acordo com informações do jornal Folha de S. Paulo, alguns dos maços de dinheiroi estavam guardados em uma bolsa de couro que tinha o logotipo da empresa. Em 2014, uma série de troca de mensagens entre Geddel e Léo Pinheiro, sócio da construtora – nesses diálogos, o nome do deputado federal Lúcio Vieira Lima (PMDB-BA), irmão de Geddel, é citado como o responsável por articular o recebimento de doação para campanhas do partido na Bahia, em 2012. Além de doações, as mensagens mencionavam concessões de aeroportos, transações privadas – como o empreendimento Costa España, na Barra (clique aqui) – e sobre liberações de recursos da Caixa, na qual Geddel ocupou o cargo de vice-presidente entre 2011 e 2013. Questionada sobre a investigação referente ao dinheiro na mala, a OAS não quis se pronunciar. Relatório encaminhado recentemente pela Polícia Federal indica que o “quadrilhão do PMDB” – que além de Geddel, seria composto pelos ministros Eliseu Padilha (Casa Civil) e Moreira Franco (Secretaria-Geral) e pelos ex-deputados Eduardo Cunha (RJ) e Henrique Alves (RN). 

Nenhum comentário:

Postar um comentário